Seminário no M-ITI
20 de Fevereiro de 2017.
INSULA
4 de Março de 2017.
Mostrar Tudo

A Liberdade do Cristão

O simpósio encerra, às 18:30, com um momento musical

Em 2017, comemora-se os 500 anos da Reforma Protestante. Para assinalar a data, a Universidade da Madeira (UMa), através do Departamento de Línguas, Literaturas e Culturas, da Faculdade de Artes e Humanidades, em colaboração com a Igreja Evangélica Alemã na Madeira, vai organizar, no dia 14 de Março de 2017, o Simpósio “A Liberdade do Cristão” e inaugurar a exposição “#HereIstand”.

A exposição vai ser inaugurada, pelas 14:30, na Sala dos Arcos, pela Pastora da Igreja Evangélica Alemã na Madeira, Dr.ª Ilse Everlien Berardo, e pela Prof.ª Doutora Martina Emonts, docente da unidade curricular de Culturas de Expressão Alemã, do 3.º ano do 1.º ciclo de Línguas e Relações Empresariais da UMa. Estarão presentes os estudantes da referida unidade curricular, que foram responsáveis pela tradução dos textos da exposição para a língua portuguesa.

A sessão de abertura do Simpósio está agendada para as 15:00, no Auditório do Colégio dos Jesuítas, e será presidida pelo Reitor da UMa, Professor Doutor José Carmo.

O Prof. Doutor Nelson Veríssimo, da Faculdade de Ciências Sociais da UMa, dá início aos trabalhos com o tema “A Reforma e a Génese da Educação Pública“. Seguem-se as intervenções da Dr.ª Ilse Everlien Berardo, Pastora da Igreja Evangélica Alemã na Madeira, e do Prof. Doutor Viriato Soromenho-Marques, da Universidade de Lisboa, respetivamente, com os temas “A Singularidade da Reforma Protestante” e “Lutero, a Grandeza Tensional de um Fundador da Modernidade”. A derradeira intervenção vai estar a cargo de D. José Ornelas Carvalho, Bispo de Setúbal, com o tema “As Perspectivas Ecuménicas para ultrapassar o Confessionalismo”.

Após as intervenções, terá lugar um debate entre os oradores e o público sobre “A Dialética da Reforma Religiosa”.

O simpósio encerra, às 18:30, com um momento musical e um Madeira de Honra.

Texto reproduzido a partir do portal da Universidade da Madeira. Consulte o programa aqui.