A investigação merece mais
6 de Maio de 2021.
Tecnologia eólica flutuante
11 de Maio de 2021.
Mostrar Tudo

Escalar o Evereste? Já é a 25ª vez

Chama-se Kami Rita Sherpa, é nepalês e acaba de alcançar um feito histórico: tornou-se o recordista mundial de escaladas ao cume do Monte Evereste.

Sherpa subiu ao Evereste pela 25ª vez e bateu uma marca por ele próprio estabelecida, a do montanhista que mais vezes atingiu o topo da montanha mais alta do Mundo.

Integrado numa equipa de 12 pessoas, as primeiras que voltaram ao Evereste depois da permissão para voltar a aceder ao local após o levantamento das ordens de restrição impostas pela pandemia, Kami Rita Sherpa tocou novamente o pico de 8.848 metros, que alcançou pela primeira vez no já longínquo ano de 1994.

Desde então, uma ida anual ao Evereste é para ele quase ritual de vida. “Não se trata de querer quebrar recordes. O meu objetivo era o de comemorar as 25 escaladas em 2020, aos 50 anos. Mas a covid não deixou isso acontecer”, explicou o bravo nepalês em declarações à agência AFP. “Consegui agora realizar o meu sonho”, congratulou-se.

Sherpa também subiu outras montanhas com altitude próxima dos 8.000 metros, como o K2, no Paquistão. E tudo por uma questão patriótica. “Escalo pela minha nação. Guias como eu são necessários para o setor de turismo do Nepal. Se não existíssemos, os estrangeiros não viriam ao país”, orgulha-se.

A maioria dos aspirantes ao Evereste é acompanhada por um guia nepalês, o que torna a atividade uma das mais produtivas do país.

Clique aqui para ler  notícia do Volta ao Mundo de 09/05/2021.