Funchal vs. Vaduz
29 de Novembro de 2018.
The sound of home
3 de Dezembro de 2018.
Mostrar Tudo

Mérito as usual

Porto Business School distinguida pelo Presidente da República com título honorário da ordem de mérito.
Mérito as usual

Em visita à escola, Marcelo Rebelo de Sousa reconheceu a Porto Business School “como pioneira nacional na ligação entre universidades e empresas”, e fez questão de salientar que o mérito, “mais do que escolar e empresarial, é um mérito social”.

No passado domingo, dia 25, a Porto Business School comemorou o seu trigésimo aniversário com o “anúncio inesperado, da parte do Presidente da República, de que a escola de negócios da Universidade do Porto seria distinguida com o título honorário da Ordem do Mérito”.

O Presidente da República salientou o papel desta instituição “na ligação entre escola e empresa e a sua projeção na vida social”, manifestando a esperança de que esta distinção abra caminho “para outros reconhecimentos honoríficos, respeitando a história de outras escolas”.

O anúncio foi feito durante o discurso de encerramento do jantar comemorativo do trigésimo aniversário da Escola de Negócios da Universidade do Porto, já distinguida internacionalmente por meios de referência como o Financial Times.

Marcelo Rebelo de Sousa recordou que “a escola de negócios foi pioneira, em 1988, numa altura em que não tinha sido feita ainda a revisão constitucional de 1989, que veio abrir a reprivatização da economia em setores-chave, e percebeu a necessidade da ligação entre universidade e empresas, criando um MBA altamente qualificado para um mundo empresarial, e cujo rumo depois foi seguido por muitas universidades e escolas portuguesas”.

Ramon O’Callaghan, atual Dean da Porto Business School, reagiu à distinção, afirmando o seu “profundo orgulho pelo percurso de três décadas da Porto Business School, bem como por todos aqueles que já passaram pela escola, desde os seus parceiros, alunos, antigos alunos, staff e docentes – de entre os quais se destaca o próprio Presidente da República portuguesa, que já fez parte do corpo docente do nosso MBA”.

Notícia do Canal Superior de 27/11/2018.