EVS volunteering in Madeira
21 de Maio de 2018.
Harry Mulisch
22 de Maio de 2018.
Mostrar Tudo

Um mês, um tema: Palácio do Governo

O mês de Junho traz uma visita ao Palácio do Governo Regional da Madeira, no dia 2 de Junho, sábado, às 11:00. Inscrições, gratuitas para os portadores do Passaporte Cultural, podem ser feitas em qualquer Gaudeamus.

Durante o reinado de D. Pedro II, a Misericórdia do Funchal muda-se, do Hospital do Calhau, em Santa Maria, para o terreiro da Sé. A construção das primeiras edificações é embargada por estas serem demasiado próximas às muralhas de São Lourenço, minorando a capacidade de defesa da fortaleza. Constrói-se, mais a Norte, um imenso edifício, dotado de capela interior, sob a protecção da Rainha Santa Isabel.

A destruição do Hospital do Calhau, na grande aluvião de 1803, leva Santa Isabel a tornar-se o principal hospital da cidade. Nos finais desse século, também alberga a Escola Médico-Cirúrgica do Funchal e já no século XX, sobretudo durante a Grande Guerra, o chega a acolher a enfermaria britânica.

A abertura do lado Norte da Avenida Zarco, nos anos 1940, obriga à demolição de parte do Hospital. A Junta Geral do Distrito Autónomo do Funchal, entretanto sediada no palácio do antigo Seminário da Calçada da Encarnação, decide tornar o que resta da Misericórdia velha na sua sede, nas imediações do moderno Banco de Portugal, da autoria de Edmundo Tavares. Raul Lino chega a projectar um edifício monumental feito de raiz, ao gosto do Estado Novo, mas opta-se pelas reformas programadas por Januário Godinho, já em 1951. O novo Palácio da Junta Geral é composto por dois corpos interligados: ao Sul, o que resta do antigo Hospital, complemente reformado, mantendo-se parte das fachadas seiscentistas; ao Norte, uma nova edificação pós-moderna.

Em 1978, com a Autonomia, a Junta Geral dá lugar ao Governo Regional, sendo o corpo Norte é ocupado pela Assembleia Legislativa. Já nos anos 1980, a Alfândega velha é adaptada, por Raul Chorão Ramalho, para acolher a Assembleia Legislativa e o Palácio passa totalmente para a posse do Executivo Regional, acolhendo hoje algumas Secretarias.

No visita ao complexo, o visitante poderá apreciar, entre outros a azulejaria em estilo Marvila da fábrica Viúva Lamego, um mural da autoria do pintor Guilherme Camarinha e o magnífico salão nobre, onde se realizou a primeira sessão plenária da Assembleia Legislativa Regional.

Sobre a Herança Madeirense

‘Um mês, um tema’ é uma iniciativa que integra o nosso programa Herança Madeirense que congrega a oferta cultural e turística, promovida pela Académica da Madeira. Materializa-se através da dinamização de vários monumentos e atracções do Funchal onde são promovidos um conjunto amplo de serviços com destaque para as visitas educativas gratuitas que são proporcionadas aos estabelecimentos de ensino de toda a região. Além disso, a Herança Madeirense oferece, gratuitamente, saraus de música, exposições, visitas culturais temáticas, áudio guias, circuitos autónomos de História e outras iniciativas.

O Colégio dos Jesuítas do Funchal, a Igreja de S. João Evangelista, os Paços do Concelho do Funchal, a Assembleia Legislativa da Madeira, o Mosteiro de Santa Clara, o centro histórico da cidade e, desde Novembro de 2017, a Quinta Vigia são os monumentos e as atracções que estão integradas no nosso programa.
Através dos circuitos culturais e históricos os nossos colaboradores ajudam o visitante a conhecer o rico património material e imaterial da nossa região, permitindo que o visitante explore como esses monumentos, e os seus ocupantes, ajudaram a moldar a nossa sociedade. A Associação Académica angaria os seus próprios fundos e depende do apoio dos seus visitantes, doadores, mecenas e voluntários. Através dos proveitos das visitas conseguimos financiar vários programas de apoio social cujos beneficiários são os estudantes da Universidade da Madeira.

Vencedor, em 2017, de dois prémios nacionais, o Prémio de Boas Práticas do Associativismo Jovem, atribuído pelo Instituto Português da Juventude e Desporto, e o Prémio de Voluntariado Universitário, promovido pelo Santander Totta, a Herança Madeirense segue apostando na capacitação dos seus colaboradores e na excelência dos seus serviços.