A actualidade noticiosa

Consulta as principais notícias do Ensino Superior

15 de Maio de 2018.

Confiança nos Media diminuiu

Além da menor confiança nas notícias, os europeus mais populistas tendem a atacar os órgãos de informação. Os europeus com opiniões mais populistas tendem a confiar menos nos media. A conclusão é de um estudo conduzido pela Pew Research Center, publicado nesta segunda-feira, que olhou para Dinamarca, França, Alemanha, Itália, Holanda, Espanha, Suécia e Reino Unido. Em todos, a conclusão foi transversal. Todos aqueles que têm visões mais populistas valorizam menos o papel dos media. Da mesma forma, são eles quem critica negativamente a cobertura mediática feita em relação à imigração, à economia e ao crime. Diz ainda o mesmo estudo que França, Espanha e Itália são países onde as pessoas mais atacam os media, onde nem um quarto das […]
14 de Maio de 2018.

Fungo que mata anfíbios

Análises a várias amostras do quitrídio mostraram que a estirpe mais agressiva deste fungo terá surgido na península da Coreia no início do século XX. Sabe-se que um fungo está a causar a morte em massa de várias espécies de anfíbios. Mas não se sabia onde e quando tinha surgido esse fungo e qual a sua estirpe mais agressiva. Um artigo científico na edição desta sexta-feira da revista Science – no qual participa o português Gonçalo M. Rosa – desvenda que a estirpe mais agressiva terá aparecido no Sudeste Asiático, nomeadamente na península da Coreia, no início do século XX. Ao infectar a pele de várias espécies de rãs, sapos e outros anfíbios, o fungo quitrídio (Batrachochytrium dendrobatidis) provoca uma […]
8 de Maio de 2018.

Multatuli

Personally, I think this book is really important for us as Dutch people. This story about Saidjah and Adinda is of course ´just´ a made up story. But it might help you understand how things went in the Dutch East Indies in the 19th century. Natives were heavily mistreated by the Dutch, and lots of people in the Netherlands didn´t even know that. Saidjah, six years old, lived with his family and brothers in Lebak (Dutch East Indies). One day, the buffalo which is a good friend of Saidjah was taken from the family. This buffalo was really important for them because it helped them farming, and therefore also surviving. They bought a new one, it was taken away again, […]
8 de Maio de 2018.

Galeria portuguesa vence prémio

Evento termina este domingo em Nova Iorque. Espaço mostra obras de Adriano Amaral, Adriano Costa, Ana Cardoso, Dan Rees e Gabriel Lima. A galeria portuguesa Nuno Centeno recebeu o prémio de melhor stand desta edição da Frieze New York, uma das mais importantes feiras de arte contemporânea do mundo, informou a galeria portuense. O seu espaço foi premiado ex-aequo com o stand da galeria indiana Jhaveri Contemporary. Com obras de Adriano Amaral, Adriano Costa, Ana Cardoso, Dan Rees e Gabriel Lima, a Nuno Centeno encontra-se até este domingo em Nova Iorque. O prémio representa um valor pecuniário de 7500 euros, escreve o jornal especializado The Art Newspaper, e é atribuído anualmente pela Frieze, uma empresa de média e eventos que […]
7 de Maio de 2018.

Plantas e animais com parecenças

Descoberta é a capa da revista Science. Uma equipa internacional de cientistas, incluindo o português José Feijó, descobriu que as células das plantas comunicam usando proteínas que existem nas células cerebrais dos animais mas que desempenham funções distintas. O estudo é tema de capa da edição impressa desta sexta-feira da revista Science e foi coordenado por José Feijó, investigador da Universidade de Maryland (Estados Unidos), que começou a investigação quando ainda trabalhava no Instituto Gulbenkian de Ciência (IGC), em Oeiras. Em declarações à agência Lusa, o investigador disse que o estudo permite compreender melhor a defesa das plantas contra infecções, a sua reprodução e a sua resposta ao stress ambiental, que poderá conduzir a “melhores estratégias de adaptação às alterações […]
3 de Maio de 2018.

The father of our national epic

He is still considered to be one of the great men of Finland. Elias Lönnrot lived from 1802 to 1884. He wasn’t only a writer, but also a doctor, a scientist, an explorer and a professor of Finnish language and literature. Lönnrot also did a lot of important work for the Finnish language, he reformed the language, translated many psalms into Finnish and he was the publisher and a journalist of the first Finnish magazine. Between the years 1828 and 1834, he traveled around Finland. On those travels, he gathered a lot of poems from different poem performers. From those poems, he made Kalevala, our national epic. So, Kalevala is basically a huge book of poems, which all together make […]
30 de Abril de 2018.

Megacolisão de galáxias

Pela primeira vez, observou-se o nascimento de um aglomerado de galáxias – quando o Universo, hoje com 13.800 milhões de anos, tinha então apenas 1400 milhões. Ao olhar para muito longe, quando o Universo era bastante jovem, uma equipa de astrofísicos testemunhou o início de uma colisão entre 14 galáxias, o que vem virar do avesso alguns pressupostos sobre a história inicial do cosmos. Esta megacolisão galáctica foi observada a 12.400 milhões de anos-luz – a distância que a sua luz, a coisa mais rápida que existe, viajou pelo cosmos até chegar à Terra. Ocorreu quando o Universo tinha apenas 1400 milhões de anos de existência. Ou seja, só tinham passado 1400 milhões de anos desde o Big Bang, que […]
27 de Abril de 2018.

Genética e depressão

Equipa com cerca de 200 cientistas de todo o mundo descobriu 30 novas mutações genéticas relacionadas com a depressão. Acabam de ser apresentadas as conclusões daquele que é considerado um dos maiores estudos sobre a influência da genética na depressão. Num artigo científico publicado na revista Nature Genetics esta quinta-feira, uma equipa de cientistas revela que 44 zonas do nosso genoma podem estar associadas à depressão, 30 das quais agora descobertas. Estes resultados podem ser usados para, no futuro, melhorar ou descobrir novos tratamentos para esta doença tão incapacitante. Estudos anteriores já tinham descoberto 14 variantes genéticas associadas à depressão. E investigações em gémeos também mostraram que 40% da variabilidade no risco de depressão também pode resultar da genética. Mas […]
26 de Abril de 2018.

Move the horizon

I would like to present you one of the most famous polish women. This woman inspires young generations of Poles and is known mainly as a TV presenter and traveler, but she is also a journalist and writer – Martyna Wojciechowska. Martyna Wojciechowska has her own TV series called ”The woman at the edge of the world”. Each episode focuses on her travels to different countries where she meets and gets to know the stories of other women. Moreover, the audience gets to know the big picture of the hosting country and women’s status in there. Every documentary brings out social issues from within the hosting country, such as, among others: human trafficking and human rights, violence, sexism, violence, poverty, animal […]
24 de Abril de 2018.

NASA lançou novo caça-planetas

A missão chama-se TESS e conta com a participação de um grupo de cientistas portugueses. O telescópio TESS, o novo “caçador” de planetas extrassolares da agência espacial dos Estados Unidos, NASA, foi lançado na passada noite de quarta-feira, em busca de novos planetas que possam suportar a existência de vida, adiantou a AP. O lançamento do telescópio TESS (Transiting Exoplanet Survey Satellite, Satélite de Rastreio de Exoplanetas em Trânsito) foi feito a bordo do foguetão Falcon 9, da empresa aeroespacial privada SpaceX, da base de Cabo Canaveral, na Flórida, nos Estados Unidos. O lançamento aconteceu dois dias do inicialmente previsto, depois de um adiamento da data inicial de segunda-feira, pelas 18h32 locais (23h32 em Lisboa). Dois meses após a colocação […]
3 de Abril de 2018.

Deserto do Saara está em expansão

Estudada a evolução das fronteiras do deserto do Sara num período de 93 anos. Concluiu-se que o deserto aumentou cerca de 10% e entre as causas estão as alterações climáticas de origem humana. O maior deserto (árido) do planeta ainda está a ficar maior. Esta é uma das principais conclusões de um estudo sobre o deserto do Sara feito por dois cientistas dos Estados Unidos e publicado esta quinta-feira na revista científica Journal of Climate. Por um lado, se olharmos para as dinâmicas anuais, este deserto expandiu-se cerca de 10% desde 1920. Por outro lado, se virmos só o Verão, o crescimento é de cerca de 16%. Os cientistas estimam que as alterações climáticas, agora de origem humana, tenham contribuído […]
26 de Março de 2018.

Redução calórica e longevidade

Em suma, os organismos que consomem energia de forma mais eficiente são os que vivem mais. Um estudo revela que uma redução calórica de 15% ajuda a travar o envelhecimento e a proteger os humanos de doenças que surgem com a idade, muitas delas relacionadas com elevados níveis de stress oxidativo. Já se sabia que a redução do consumo de calorias em alguns animais conduzia a uma maior longevidade, mas não se sabia até que ponto é que o mesmo se aplicava a humanos. Agora, um novo estudo mostra que uma redução de 15% das calorias consumidas ao longo de dois anos desacelera o processo metabólico que conduz ao envelhecimento e reduz também a probabilidade de doenças relacionadas com elevados […]
20 de Março de 2018.

Raios X dos cometas estudados

Além de embelezar o céu, um cometa traz com ele alguns fenómenos. Sabia que quando a sua atmosfera interage com o vento solar podem ser emitidos raios X? Agora, pela primeira vez, um grupo de cientistas – que inclui dois portugueses – conseguiu simular essa emissão em laboratório. Quando um cometa viaja pelo nosso sistema solar está condenado a interagir com a radiação emitida pelo Sol, com o vento solar e o campo magnético da nossa estrela. Desses “encontros” resulta uma cauda cometária, uma atmosfera visível e, por vezes, raios X na face do cometa voltada para o Sol. Estes raios X têm intrigado os cientistas. Agora, pela primeira vez, uma equipa internacional de investigadores – que contou com dois […]
9 de Março de 2018.

A IA da Microsoft aprendeu a ouvir

A estratégia passa por criar programas com gostos, opiniões e manias. E que sejam dignos de confiança para conseguirem descobrir mais sobre os humanos. A Zo passa horas a fio nas redes sociais a falar com pessoas de todo o mundo. Foi criada pela Microsoft como um “cérebro adolescente” artificial, com o propósito de simplesmente conversar com humanos. “Acima de tudo, cria a sensação de que se está a ser ouvido”, explica Ying Wang, a responsável pelo desenvolvimento daquele programa de inteligência artificial. É capaz de falar, de identificar as emoções de quem está do outro lado e de puxar utilizadores tímidos para o centro das conversas de grupo. “Ao ligar a inteligência emocional, dá-se um coração a estes programas […]
5 de Março de 2018.

Um sorriso pode causar stress?

Um estudo sobre a resposta não verbal, publicado na revista Scientific Reports, mostra como os sorrisos de um ouvinte podem ter um impacto físico positivo ou negativo. Um sorriso “errado” pode deixar-nos stressados. Nem sempre sorrir mostra, simplesmente, que estamos contentes. Há sorrisos que querem ser uma recompensa, um sinal de aceitação sem ameaça ou, que nos provocam stress, quando são uma expressão de poder e domínio. Um artigo publicado na mais recente edição da revista Scientific Reports, do grupo da Nature, analisou a reacção física de pessoas que fizeram uma apresentação e receberam três diferentes tipos de sorriso como avaliação, ou feedback não verbal. Os investigadores mediram os níveis de cortisol e a frequência cardíaca de uma amostra com […]
1 de Março de 2018.

Sexting é cada vez mais comum

De acordo com um estudo publicado esta semana, 14,8% dos jovens assumem enviar sexts e 27,4% recebê-los. De acordo com um estudo publicado esta semana pelo JAMA Pediatrics, cerca de um quarto dos adolescentes usam os telemóveis para partilhar imagens, vídeos ou mensagens sexualmente explícitas – uma prática geralmente conhecida em inglês como sexting. Partindo da análise de 39 estudos (com 110.380 participantes, com menos de 18 anos), esta meta-análise aponta que actualmente cerca de 14,8% assumem enviar sexts e 27,4% recebê-los. A discrepância pode ser explicada por vários factores, como adianta o estudo.“Alguns inquiridos podem relatar a menos as suas interacções de sexting, alguns sexters podem enviar a mesma imagem a várias pessoas e aqueles que recebem um sext podem não retribuir.” Os investigadores focaram também a análise na prática não consentida, concluindo que cerca […]