A actualidade noticiosa

Consulta as principais notícias do Ensino Superior

5 de Fevereiro de 2018.

Primeira nevada

Ver pela primeira vez os flocos de neve a caírem desde os céus, é de uma magicalidade imensa. Quando nascemos numa ilha um tanto tropical, temos sempre aquele pequeno desejo de ver neve pela primeira vez bem como de a sentirmos. É tão bonito ver os pequenos flocos de neve a descerem pelos céus, numa fluidez imensa e, a caírem nos demais objectos que encontram pelo caminho. Estes flocos de neve pintalgarão todas as ruas e ruelas, árvores e arbustos, casas e casario, é bonito ver tudo coloreado de branco, algo que nos transmite uma calma intensa e uma paz emersa. Andar na neve é das situações mais cómicas de sempre, nunca sabemos onde nem como podemos escorregar, pois cria-se […]
2 de Fevereiro de 2018.

Experiência incomparável

O SVE é um projecto fascinante que permite fazer voluntariado noutro país e crescer como ser humano. Eu tive conhecimento do Serviço Voluntário Europeu (SVE) quando estudava na universidade e a minha melhor amiga fez um projecto de SVE em Espanha e, a partir desse momento, a minha curiosidade sobre esta oportunidade desenvolveu-se. Com o final dos meus estudos, decidi que queria ter uma experiência diferente e o que a União Europeia nos proporciona e financia, era o que eu precisava. Iniciei a minha busca por projectos em Itália, país que já tinha visitado e que tinha despertado um interesse particular em mim devido à sua vasta cultura, as suas magníficas cidades e paisagens, a excelente comida e a semelhança […]
2 de Fevereiro de 2018.

We are all one big family

You can learn a lot about different cultures, traditional cuisine and how to rid yourself of stereotypes. Living in a student residence can be annoying, especially when it is overloaded with people or for example the kitchen on the ground floor does not work and all students start to use the one on your floor. But despite all the noise, lack of privacy and a rare state of cleanliness in the kitchen I really appreciate my experience of living in our volunteer and student community. We can always share our experiences and learn from each other and count on each other. On one hand you become more social and open-minded but on the other hand you learn how to enjoy […]
30 de Janeiro de 2018.

Archaeopteryx mais antigo do mundo

Foi descoberto numa formação geológica na Baviera, onde até então não tinha sido encontrado nenhum exemplar do género Archaeopteryx. Tinha o tamanho de uma pomba grande e viveu num ambiente subtropical no período Jurássico. Há cerca de 150 milhões de anos, a actual região centro da Baviera, na Alemanha, tinha uma paisagem e habitantes bem diferentes. Esta zona caracterizava-se por ter um ambiente subtropical com ilhas e lagoas de recife em águas superficiais, onde começava o Mediterrâneo primordial. Aqui habitava o Archaeopteryx mais antigo encontrado até agora. Tinha o tamanho de uma pomba grande, estava na transição entre os dinossauros e as aves e é o 11.º a ser descoberto, segundo um artigo científico na revista Peer J. Este Archaeopteryx […]
29 de Janeiro de 2018.

Primeiros primatas clonados

São duas pequeninas fêmeas que nasceram há cerca de 50 dias, na China. São o resultado “de carne e osso” do sucesso da equipa de cientistas da Academia Chinesa de Ciências que conseguiu ultrapassar a barreira técnica que impedia o “fabrico” de clones de primatas não humanos com a mesma técnica usada com a famosa ovelha Dolly. Não sabemos se é Zhong Zhong ou Hua Hua que, nas imagens do vídeo, tenta uma fuga da incubadora, empurrando as paredes transparentes da caixa. Sabemos apenas que estes dois pequeninos e magricelas macacos são os primeiros clones de primatas não humanos criados com a mesma técnica, transferência de células somáticas, que fez nascer a famosa ovelha Dolly. Está tudo num artigo publicado […]
27 de Janeiro de 2018.

Genética, regeneração e salamandras

Regeneram-se com muita facilidade. Para saber como o fazem, os cientistas descodificaram todo o genoma de uma salamandra e uma planária. Este trabalho é já considerado um marco na investigação da regeneração. Há uma espécie de salamandra que, se perder os membros do corpo, os consegue regenerar. Chama-se axolote e faz este trabalho na perfeição: os ossos, os músculos e os nervos voltam a crescer no sítio certo. Há mais: a planária é um verme que, se for cortada aos pedacinhos, também é capaz de se reconstruir. Portanto, estes animais são uma ajuda no estudo da regeneração de tecidos. Mas como o fazem? Para perceber isso, descodificou-se todo o genoma destas espécies, que vem descrito esta semana em dois artigos […]
23 de Janeiro de 2018.

Hiking together

What if we all (volunteers, Erasmus students, international students and madeiran students) could go hiking together? This idea has stuck in my head since long time. It would be so perfect to have the possibility to go out in the nature, not depending on when and where the few public buses could drive you at the weekend. There are just a few options to gain this freedom of self-determined hiking. Renting a car together with friends, going with a friend who has a car or hitchhike. Although every of these options has its benefits the disadvantages are highly considerable, especially when you want to hike with more than 5 people. So as I heard about the guided nature walks Aauma […]
23 de Janeiro de 2018.

Inventada nova unidade de tempo

Os flicks são ligeiramente maiores que um nanosegundo – o ponteiro dos relógios não os vai marcar, mas podem ser muito úteis para editores de vídeo. Quantos flicks faltam para a hora de almoço? A equipa de realidade virtual do Facebook, a Oculus VR, concebeu uma nova unidade de tempo – o flick. É maior que muitas: num só segundo, cabem mais de 705 milhões de flicks (705.600.000 para ser exacto), o que torna a unidade ligeiramente maior que um nanosegundo (há mil milhões de nanosegundos num segundo). A nova unidade de medida foi concebida, especificamente, para facilitar o trabalho de quem edita filmes no dia-a-dia e divide tempo em imagens por segundo. Começou com uma pergunta, feita no Facebook […]
22 de Janeiro de 2018.

Detecção de oito tipos de cancro

Investigadores apresentam um teste não invasivo que usa a informação de dois biomarcadores: os níveis de proteínas associadas a cancro, bem como a presença de mutações genéticas no sangue. Chama-se CancerSEEK e combina a análise do ADN com a detecção de oito proteínas associadas a oito tipos de cancros. O novo método é apresentado esta sexta-feira na revista Science por uma equipa liderada por cientistas da Faculdade de Medicina da Universidade Johns Hopkins, em Baltimore, nos EUA. O objectivo deste teste não invasivo, que ainda terá de ser validado para chegar à prática clínica, é conseguir uma detecção precoce de vários cancros e a um baixo custo. Para já, foi usado em mais de mil doentes demonstrando uma sensibilidade que […]
20 de Janeiro de 2018.

Island Oddities

The strange case of the Principality of Pontinha. Due to their isolated nature, island nations tend to exhibit a heightened sense of the bizarre. I am well aware of this from my home country, with its Byzantine cultural norms and eccentric Monarchy. Madeira is no different, a notable example being the existence of the Principality of Pontinha. Founded by the now Dom Renato Barros I, a former art teacher, Pontinha is a micronation based around an islet on Funchal’s harbour. It was purchased for just shy of £20,000 from the Blandy family, who had themselves purchased the land from the city of Funchal in order to fund a redevelopment of the port in 1903. Barros himself has speculated that if […]
18 de Janeiro de 2018.

Winter in Madeira

“There is no such thing as bad weather, only bad clothes”. This is a phrase Madeira definitely lives by Whenever people ask me about Madeiran weather I simply just say “mood swings”. You just never know. During the summer it is mostly warm, dry but also humid. And even I, who arrived here in the beginning of September, had to wait a month or more to experience rain in Funchal. By now I am always carrying an umbrella. The biggest city on Madeira is located in the south, where it is usually sunnier than in the north. This island can have all four seasons at once. And that is during the summer. In winter a single city often has all […]
17 de Janeiro de 2018.

Indian food in Madeira

How Indian cuisine found its way to Madeira (en route from England and South Africa). Paradoxically, Indian food is the national dish of the United Kingdom. For many British people a curry is a frequent treat, so my surprise was palpable when I found several Indian restaurants in Funchal serving British-Indian fusion classics such as Tikka Masala. Perhaps this is a consequence of the myriad British tourists who holiday in Madeira every year. But there is usually a deeper justification. My initial assumption was that one of the many British expatriates of Madeira’s history had popularised the cuisine here. This notion was substantiated by the presence of an Indian Infantry Division at the Jesuits’ College in 1941. The company was […]
16 de Janeiro de 2018.

Full of memories

I have already experienced so much, and there is still so much to do! The most beautiful places and moments in your life will always stay in your heart and memories. But what I’m scared of here is that I experience so many moments and see so many places that I want to remember the rest of my life, but the memories just fade away. I can’t choose if I will remember my last weekend’s hike or the moments when I’m laughing with my roommates so hard, that I fall from my bed. When I’m going to be 55 and I will look back to this year, I hope I’ll remember how I felt in the special moments. The other […]
15 de Janeiro de 2018.

Hello and goodbye

One of the most important things of this year was, for me, meeting new people from other countries. This wasn’t hard because we share our room with one or two others and our kitchen with around sixty. I met new people so fast, and always forgot that I had to say goodbye at some point. That’s what I’m thinking about now, when more and more people are leaving. So many things have happened and I never expected the people here to become real friends of mine. When you see the people go you realise that a small part of your life came to its end, which makes me sad and happy at the same time. Sad because it was so […]
15 de Janeiro de 2018.

A minha experiência na Ucrânia

Sendo o EVS parte do programa ERASMUS+, não precisei de possuir muitos recursos para participar! Através da associação onde fui acolhido, fui enviado para 2 campos de férias (faz parte da tradição ucraniana no verão as crianças e jovens irem a campos de ferias). No primeiro campo fiquei 9 dias com cerca de 45 participantes, organização e mais 5 voluntários. Dormíamos em tendas no meio da floresta, a 5Km da fronteira com Rússia, basicamente sem rede telefónica. Além de desenvolver as nossas atividades também participava nas em muitas outras, desde jogar vólei, cantar, aprender a língua russa e ucraniana, ir tomar banho num rio e até buscar água para todo o campo de cavalo as 7h da manhã. No segundo […]
14 de Janeiro de 2018.

A paradise made of wood

In this text I want to tell you a little bit about my experience in this volunteering. Madeira is a Portuguese island whose history begins to count from the fifteenth century when it was permanently occupied for the first time. This information is important because my project is about the Madeiran legacy (the name of my project is Madeiran Heritage), and it tries to train volunteers to, through guided tours, show a piece of the history of Funchal (its capital), of the island in general, and some aspects of the history of Portugal. With the money that is obtained from this process we help for the different social projects of the University of Madeira. The project itself is very rewarding […]